sábado, 8 de maio de 2010

Ansiedade.

Contando os tiques do relógio para te ver...
Há muitos rabiscos em meu caderno e todos são para ti.
Teu texto já está pronto, e eu me pergunto: Será que essas palavras chegarão aos teus ouvidos? Será que irão surtir em ti o efeito que eu espero?
Não vou torcer para que aconteça, não vou pedir para que aconteça. Mas vou fazer valer à pena quando acontecer.
" Em cada verso só pra ti eu vou cantar, cada palavra que eu expresso visando te agradar, não é o bastante pra tu perceber quão grande é o meu amor... ♪ "

m.

Nenhum comentário:

Postar um comentário