quarta-feira, 16 de junho de 2010

Esperar, esperar e esperar...


Porque a hora parece não passar quando esperamos algo?

Ao mesmo tempo em que eu quero que a hora passe rápido, eu não quero que passe. Eu não quero que as coisas mudem, não quero perder isso de novo, não quero me sentir mal de novo.

Apesar de que hoje já acordei me sentindo mal, não quis comer nada, não queria ir á escola, fui apenas porque tinha duas provas.

Hoje não vi graça nas coisas, não vi graça em nenhuma música, não vi graça nem nas fotos mais bonitas. Não vi graça no sol, nem nas árvores, nem no vento. Não vi graça nas pessoas também.

E cadê você? Porque você sempre some? Porque promete coisas que não pode cumprir?

É bem mais cômodo sumir do que enfrentar as coisas. Eu sei.

Eu estou com medo de tudo isso, estou com medo de sofrer... Tantas perguntas se passam pela minha cabeça. Tantas dúvidas.

Será que posso mesmo confiar em você? Sinceramente, eu estou com muito medo do que vai acontecer.

E enquanto as coisas não se resolvem, eu continuo a esperar...


m.

Nenhum comentário:

Postar um comentário