quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Wake me up when September ends.


Não gosto do mês de Setembro, não sei porque. Ta, talvez tenha um porque.
Parece que Setembro é uma dose pura e concentrada de todas as coisas que eu odeio.
É porque nunca acontece nada bom comigo nesse mês. Sinto uma energia ruim ou algo parecido. Pode parecer besteira minha, mas eu me sinto assim, e eu perco mais ainda a minha inspiração, pode fazer frio ou pode chover até o mundo se acabar em água que eu não consigo escrever algo que preste, essas palavras escritas aqui não são nada mais que as linhas de uma folha rasurada, escritas durante uma entediante aula.
Eu reclamo muito de tudo, de todos, e todo o tempo, coisa que me faz parecer uma velha. É estranho um mês ter tanta influência assim sobre uma pessoa. Eu fico surda com todos esses gritos que existem dentro de mim, e não há ninguém aqui que possa ouvi-los. Então eu coloco a minha máscara e finjo estar tudo bem, faço parecer que tudo saiu conforme o planejado, quando na verdade a minha vontade é de ir pra bem longe daqui.
Oito dias se passaram, agora só restam vinte e dois, talvez passe rápido. Ou não.

m.

Nenhum comentário:

Postar um comentário