segunda-feira, 29 de abril de 2013

Trying, i'm really trying.

Mesmo que por impulso eu te expulse
Fica
Convença-me de que sou louca
E faça com que de ideia eu mude.

Depois da chuva, sempre a calmaria
E se eu sou furacão
Seja você dia ensolarado na piscina. 

terça-feira, 23 de abril de 2013

Síntese.

Ainda que vazia seja a tua ausência
E que eu chore cada vez que pensar nisso
Em paz está meu coração comigo mesma
Tenho em mim a tese de que os dias negros passarão
Na mesma medida que você permanecerá
De tristezas e amores meus dias serão
Até que você volte e acabe com  essa alternância
E que eu não mais precise viver essa eterna antítese
De amor e distância.

segunda-feira, 15 de abril de 2013

http://www.youtube.com/watch?v=_0t-gh2ptTM&feature=youtu.be

Falo tão pouco
Que é pra te livrar do meu romantismo
Barato e clichê.

Me calo quase sempre
Que é para dar mais espaço
Para você adivinhar os meus pensamentos
E dizer exatamente o que quero ouvir.

Adoro o timbre da sua voz
E esse eterno frenesi
Que sempre suas palavras
Causam em mim.

terça-feira, 9 de abril de 2013

Não sei se foi a chuva ou a sua companhia,
Não sei se foi o brilho do sol durante dias
Ou a ausência dele nessa manhã de outono
Esverdeou-me os pensamentos como há tempos
Eu não via ou sentia.